Marcadores principais

Tique-taque

20.12.13


O tempo estava passando devagar. Tique-taque, tique-taque: era o som perturbador do seu relógio de pulso. Sua perna estava sangrando muito e ele não conseguia mover-se. Apenas observar o ambiente ao seu redor e pensar no quanto ele ainda poderia ter vivido se não fosse a pressa - que, aparentemente, não é inimiga apenas da perfeição, mas também da vida.

E pensar que aquele dia havia começado tão bem... Nunca passou pela cabeça do homem que seria aquele seu último. Era o aniversário dela, sua grande amada. O primeiro aniversário dela desde que os dois estavam juntos. Bem, o primeiro e único.

Acordou cedo, tomou o café rapidamente e saiu de carro em direção a livraria. Iria comprar A culpa é das estrelas, de John Green - era o que ela queria. “Sem dúvida nenhuma, ela é especial!”, pensou enquanto saia da livraria e ia em direção a floricultura mais próxima. Levou um lindo buquê de rosas, suas favoritas.

Tudo andava em perfeita ordem, até o momento em que recebeu uma ligação inesperada: seu chefe. Estava o chamando para algum trabalho qualquer. Mesmo já sendo uma hora da tarde e a festa dela sendo as três, foi. “Deve ser algo rápido” - pensou, mas não foi rápido não.

Só terminou de realizar os pedidos do chefe ás quinze para as três. “Não conseguirei chegar a tempo nunca!” - e realmente, não conseguiu. Pisou no acelerador e aumentou a velocidade... De mais. Não estava bêbado, não era louco, apenas queria estar logo ao lado de alguém que amava. Infelizmente, esse amor desenfreado lhe custou um alto preço.

Avançou o sinal vermelho e pronto: o estrago foi feito. Bateu em um carro de uma família qualquer. Morreram a mãe e a filha, restou somente o pai. Com certeza esse pai deve estar o odiando nesse momento, mas creio que ele esteja inatingível no céu. Sim, pois não foram só pessoas daquela família que sofreram muito naquele dia.

Acabou ficando preso em baixo do carro, com o sinto de segurança prendendo o braço e o sufocando lentamente. Sabia que aquele era o fim, não tinha como negar. Tique-taque, tique-taque. Para quem não queria atrasar-se alguns minutos, iria atrasar muito mais que isso agora: a eternidade.

A última imagem que viu antes de descansar eternamente foi das páginas do livro sendo folheadas delicadamente pelo vento e as rosas do lado. “Ao menos, ela encontrará meu presente...” - e este foi, infelizmente, seu último pensamento em vida.

14 comentários:

  1. Ai, me arrepiei com o texto. É bom, é muito bom.

    Joy

    ResponderExcluir
  2. Posso ser sincero? Ok vou ser. QUE TEXTO PERFEITO, E SEM CONTAR QUE ELE FAZ A GENTE SENTIR ALGO ESTRANHO, MUITO BOM MESMO. Amei o seu blog, beijos.

    http://www.heltonnunes.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Helton! Fico feliz que tenha gostado =)
      Beijos ^^

      Excluir
  3. Taís, que texto perfeito!! Gostei bastante. Você realmente escreve muito bem :D

    ResponderExcluir
  4. Nossa, intenso este texto Taís, é, intenso... E infelizmente não realidade não é muito incomum, afinal, como diz o texto: muitos não querem atrasar minutos e acabam se atrasando para a eternidade.

    Beijos, .:Entretanto:.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A intenção foi deixá-lo intenso mesmo =)
      Pois é, a pressa costuma atrapalhar... e muito...
      Beijos ♥

      Excluir
  5. Gente.. Estou sentindo que já li este texto em algum lugar, tipo um deja vú :3 Taís, já postaste este texto antes? Acho que não q. Enfim, texto lindo! ♥ Triste e trágico, mas lindo. Concordo com o segundo comentário, nos faz sentir algo estranho, mas não ainda não deixa a desejar.

    Um grande beijo,

    Juu-Chan || Nescau com Nutella

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SIM, VOCÊ PERCEBEU! -q kkkk'
      Esse texto é antigo, escrevi no início do ano e postei no meu antigo e desativado blog, então você já deve ter lido ele por lá, Juu =3 Eu só não avisei na postagem porque queria ver se alguém perceberia.
      Muito obrigada! ^^
      Beijo ♥

      Excluir
  6. ótimo texto... deixa a desejar. E acho que muitas pessoas tem pressa nessa vida, e tudo tem o seu tempo... mas acredito que tudo oque acontece na nossa vida Deus é que nos previne de algo pior que aconteceria.

    Beijos linda!
    troquei a URL do blog! Troca meu link-me ali ;)
    Agora é:
    adolescenteimatura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Yasmin... ^^ Concordo com o que você disse: realmente, tudo tem seu tempo. E Deus sabe o que faz.
      Beijos, diva! ♥
      Trocarei =)

      Excluir
  7. Seus textos são lindos, adorei !
    seguindo aqui !
    amordeframboesa.blogspot.com

    ResponderExcluir