Marcadores principais

Resumão da Minha Viagem de Férias

1.2.15


Oi! Fazia um bom tempo que eu não via o mar. Por isso, eu e meus pais decidimos que, no verão de 2015, iríamos a praia. Fomos a praia na terça-feira, dia 27 de janeiro, e voltamos de viagem ontem, dia 31, e eu senti vontade de escrever um pouco falando sobre alguns acontecimentos que ocorreram lá na praia. Dividirei tudo em tópicos...

1) A Praia

A princípio, nós iríamos dirigir pelo litoral e parar na primeira praia legal que víssemos pela frente, sem destino certo. Sabíamos apenas que partiríamos na terça-feira, dia 27. Porém, ainda no dia 26, um amigo do meu pai nos ofereceu sua casa de praia pra alugar, e nós a alugamos.
A praia para a qual eu e meus pais fomos se chama Praia da Harmonia, e fica em Imbé - Rio Grande do Sul. Você já ouviu falar dessa praia? Porque, bem, eu nem sequer sabia que ela existia antes de ir pra lá. É uma praia "pequena", ou seja: se compararmos com praias mais famosas, tem pouquíssima gente na Praia da Harmonia. Por exemplo, eu fui pra Tramandaí uma vez, e fiquei tipo "tem um pouco de areia na minha praia de gente".
Mas, não, de maneira alguma a Praia da Harmonia é deserta. Tem uma galera por lá, na verdade. Eu e meus pais pensamos o seguinte: se a praia de Imbé não for legal, vamos pra outra e voltamos para nossa casa alugada no final do dia. Porém, não foi necessário, porque a praia de Imbé é extremamente agradável. 

2) A Menininha

E lá estava eu no mar, toda feliz, quando uma menininha veio conversar comigo. Aliás, as crianças sempre vem conversar comigo. As crianças me amam! A menininha me deu oi, perguntou meu nome, idade, ano na escola, cidade em que eu moro, se eu sei nadar, se eu posso pintar as unhas de vermelho, e esse tipo de coisa. O nome dela é Amanda Vitória, ela tem 7 anos e está no segundo ano do ensino fundamental.
Outra pergunta que a menininha me fez: 
- Você tem namorado?
- Não.
- Tem 15 anos e ainda não tem um namorado?
- Sim, tenho 15 anos e ainda não tenho um namorado.
- AINDA NÃO CONSEGUIU ARRANJAR UM?
- ...
- É muito fácil arrumar um namorado!
Muito bem. Uma menininha de 7 anos me humilhou por eu não ter um namorado. Isso foi estranho. Afinal, QUEM ELA PENSA QUE É? Sei muito mais sobre a vida do que essa criança! E existem muitas garotas de 15 anos solteiras por aí, afinal. Tá, nem tantas assim. Digamos que 90% das minhas amigas/conhecidas tem namorado, mas... 
Quem precisa de um namorado pra ser feliz quando existe sorvete?

3) O Palito de Sorvete

"Não existe caminho certo pra felicidade. Mas o atalho é feito de sorvete."

Tá aí o meu palito de sorvete provando o que eu digitei a cima. Felicidade pode até estar ligada a palavra namoro, mas o atalho da felicidade é o sorvete. HÁ!
Agora, falando sério: eu acredito que, na hora certa, a gente encontra a pessoa certa. Nada de ficar apressando as coisas.

4) Pau de Selfie

PAI: - Precisamos tirar uma foto nós três juntos.
EU: - Certo, vamos lá!
E então se seguiram várias tentativas falhas de tirarmos fotos de nós mesmos sozinhos com a câmera.
MÃE: - Eu falei pra vocês! Se tivéssemos um pau de selfie, não teríamos nenhum problema em tirar fotos de nós mesmos.
EU: - Mãe, na boa, eu acho pau de selfie uma coisa tão ridícula! Nada contra quem usa, mas...
MÃE: - Também acho, filha. Estou só brincando, calma!
PAI: - Vou pedir para aquele garoto ali tirar uma foto nossa.
O garoto tirou uma foto nossa. Fim do drama.
O meu único medo em pedir para alguém desconhecido tirar uma foto minha com minha câmera é que a pessoa, na verdade, seja um grande ladrão e saia correndo com a câmera. Até praias sossegadas como a de Imbé podem ter assaltantes! O que nos leva ao próximo tópico...

5) O Assalto

Nós estacionamos nosso carro pertinho da praia, nas vagas pra estacionamento que ficam logo depois das dunas de areia. E lá estavam meus pais, felizes na praia, conversando com um outro casal de adultos sobre o quanto Imbé é uma cidade legal, sossegada e tudo mais, quando esse casal contou que assaltaram o carro que estava estacionado ao lado do nosso. Ai. Meu. Deus.
Partiu correr até o nosso carro e pegar tudo que tem de valioso dentro dele.
E rezar para que ainda não tenhamos sido roubados.
Não fomos, aêêê!

6) Os Peixes

Eis que o meu pai conseguiu pegar três peixes com a mão no mar. Tenho certeza de que ele vai ficar se achando O PESCADOR pelo resto do ano!




P.s: Ele jogou os peixes de volta pro mar assim que os pegou, porque peixes merecem viver, gente!

7) As Conchas Artificiais 

Quando estávamos quase indo embora de Imbé, resolvemos dar uma olhada nas lojinhas, e eu tentei encontrar alguma lembrancinha legal pra comprar. Encontrei algumas conchas artificiais, daquelas que a gente consegue ouvir o mar, sabe? Todas muitos lindas e maravilhosas, mas custando de 9 á 12 reais. GENTE, É DINHEIRO DEMAIS PRA UMA CONCHA!
Voltei pro mar e catei umas conchinhas por lá mesmo. São muito melhores do que as que estavam a venda, porque 1) são verdadeiras, mas, principalmente porque 2) SÃO DE GRAÇA!

Por hoje é tudo, pessoal!
Espero que tenham gostado do post!
Depois de amanhã, tem capítulo novo de Somos Quem Podemos Ser.

Beijos, Taís K.

5 comentários:

  1. Amei a postagem Taís. Como se fosse um diário de viagem, adorei. Verdade quem precisa de namorado quando se tem sorvete , né
    Beijos,

    http://princesasdeoutromundo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Ah, que gracinha de post!
    Sabe, quando leio seus posts sinto que estou lendo um livro, sua escrita é tão leve e sincera! Me encanto sempre *-*
    Que mais verões assim cheguem pra vocês!
    E entendo perfeitamente o que é chegar ao 15 sem namorado, faço parte desses 10%, só que agora com 18 anos haha Concordo contigo, no tempo certo a pessoa certa chega.
    Beijos, Taís!

    ResponderExcluir
  3. Viagem top, hein!
    *Vou comentar em tópicos porque.... porque eu gosto. U_U

    2) E meninas de 17 que não têm namorado? (yo!) Taís, humilha ela, os melhores namorado são os que estão nos livros u.u (Finn <3)
    4) Eu também fico imaginando o sujeito correndo com a câmera, haha! o/
    5) Sortudos!
    7) 12 reais numa concha? Por esse preço, no mínimo a concha tinha que lavar, passar e cozinhar, né? Pega as de graça mesmo u.u

    Beijos,
    Blog Entretanto

    ResponderExcluir
  4. Irei fazer que nem a Ju. Vou comentar sobre cada tópico. u.u

    1) Eu fui dia primeiro para a praia :v. Nos desencontramos, menina! HSUAHUSA. Ah, e você "sabe quem" (:3) estava em Imbé... Eu nunca havia ouvido sobre a Praia da Harmonia. Quando eu estava indo até Imbé (que não vou falar o motivo, porque a história é longa. Mas posso resumir em: Eu estava tentando achar um pet shop/agropecuária/veterinário aberto as 8 hrs da manhã), acabei passando por um placa, aonde falava "Praia da Harmonia à NãoSeiQuantos km".

    2) Sobre a frase da Amanda Vitória de 7 anos: "- É muito fácil arrumar um namorado!" Acredite, Amanda, não é u.u. Arranjar qualquer um pra sair falando que é namorado, tudo bem. Mas não alguém que seja "perfeito" pra você. :v E acho sim que tem que esperar, e que a pessoa certa vai aparecer. Não sair beijando/namorando qualquer desconhecido, e pegar doenças ai por um beijo. u.u Se controle, Amanda Vitória! HSUAHSUA
    3) Ice cream is life.
    4) Eu acho idiota Pau de Selfie. SHAUASH Sem sentido. :v E também morro de medo de pedir pra algum desconhecido tirar uma foto, e sair correndo com minha câmera.
    5) Ainda bem que não foram assaltados, né? :v Aêêê!
    6) Não sei pescar, e nem quero. </3 Eu costumava pegar em baldinhos, quando pequena. Depois os soltava no mar. Claro. u.u
    7) Ouvi falar que pegar conchinhas prejudicam o meio ambiente ou algo do gênero. Não pego mais conchinhas. Já a minha mãe... "Mãe, pega uma ou duas. Pra que 6?????"

    Adorei o post. Tá gatosa na foto. u.u.

    Um beijo.
    psicot-i.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Hey, Taís! Demorei, mas apareci, rs
    Quatro dias de viagem que, ao que mais parece, valeram como uma semana inteira de recordações divertidas, não é? Nossa, já faz um bom tempo que não vou a uma praia, aliás, mas as fotos que você publicou do mar anteriormente, nossa, estão lindas! Vontade de ir à praia, de repente, rs
    Mas, vem cá, essa menina não está muito adiantada, não? 7 anos e já acha tão importante o tópico namoro? Nessa idade eu brincava de bonecas, tipo, claro. E bate aqui, Taís, que na hora certa, nossos príncipes irão aparecer <3 Enquanto isso, se apressar não vai ajudar em nada - na verdade, acaba até atrapalhando, então, é melhor esperar o tempo certo mesmo.
    "Quem precisa de um namorado pra ser feliz quando existe sorvete?" e ainda tem isso! Concordo!!! Só acho que, no meu caso, eu também acrescentaria minha família, Deus, meus amigos... e pode mais dois? Livros e The Sims 2 porque sim <3
    A ideia do pau de selfie até que tenta ser útil, mas ainda acho um pouco atrapalhado de alguém tirar fotos com isso. Muito mais fácil pedir pra outra pessoa fotografar - contanto que fique automaticamente subentendido que essa pessoa não vai sair correndo com a câmera depois, rs. Mas que bom que vocês não foram assaltados! Nossa, imagino a tensão e preocupação do momento. Felizmente, tudo acabou bem. E o mesmo vale para os peixinhos, que voltaram felizes para o mar *-*

    Beijos!
    Sâmmy
    ♥ SammySacional.blogspot.com.br ♥

    ResponderExcluir