Marcadores principais

Para apaixonados por viagem no tempo

3.6.15


Aloha! Quem me conhece, sabe que eu sou completamente apaixonada por tudo que envolve viagem no tempo. Tudo. É um tema tão interessante! E hoje estou aqui para indicar um seriado, um anime  e um filme sobre viagem no tempo que são, uou, sensacionais.

Doctor Who


Já citei Doctor Who em alguns posts aqui do blog. Esse seriado tem como protagonista o Doutor (ninguém sabe o nome dele, ele nunca fala), que é um alienígena humanóide, um senhor do tempo, que, através de sua máquina do tempo, a Tardis (que parece uma cabine telefônica), viaja pelo tempo e espaço. O Doutor sempre viaja com um companheiro ou companheira, o que deixa a série mucho mais legal.
Doctor Who é o seriado de ficção científica mais popular do mundo, e tem mais de 50 anos (claro que houveram hiatus, a série não ficou todo esse tempo no ar). 
Doctor Who é dividido em série clássica e série atual. Eu não assisti a clássica, estou na terceira temporada da atual (embora eu já tenha assistido alguns episódios aleatórios das temporadas seguintes), e tá ficando cada vez melhor! Digamos que os efeitos especiais, no início da primeira temporada da série atual, são toscos pra caramba, e o primeiro episódio da primeira temporada pode até te desanimar em mergulhar de cabeça na série. Portanto, eu recomendo que você tente começar pelo episódio um, mas, caso bata aqueeele desânimo, assista algum dos seguintes episódios:
Blink - décimo episódio da terceira temporada
Vincent and The Doctor - décimo episódio da quinta temporada
The Empty Child - nono episódio da primeira temporada
11º Doutor e Vincent Van Gogh.
Depois de assistir a algum dos três episódios a cima (ou aos três), você já vai estar apaixonado(a) por Doctor Who. Pronto. Aí pode voltar para a primeira temporada e assistir a série cronologicamente.
É apaixonante. Minha série favorita. ♥
"O universo é grande. É vasto, complicado e ridículo. E, às vezes, muito raramente, coisas impossíveis acontecem e nós as chamamos de milagres."
- Doutor, quinta temporada, episódio 12.

Steins;Gate


Esse é um anime de 2011, que eu só assisti neste ano, por indicação de um amigo. É um anime inspirado em John Titor, aquele cara que apareceu em 2000 em um fórum dizendo ser um viajante do tempo vindo do ano de 2036 e blá, blá, blá...
O protagonista de Steins;Gate se chama Okabe Rintarou, e ele se considera um cientista maluco. É o fundador do grupo Gadget do Futuro, cujo objetivo é criar invenções que tragam o caus. O grupo possui outros dois membros: Shiina Mayuri, uma amiga de infância de Okabe, e também o super hacker Hashida Itaru, o melhor amigo de Okabe.
O anime começa com Mayuri e Okabe indo a uma conferência sobre uma teoria para a criação de uma máquina do tempo, teoria esta desenvolvida pelo Professor Nakabachi.
Lá pelas tantas, Okabe ouve um grito, vai correndo ver o que aconteceu e encontra o corpo de uma jovem, Makise Kurisu, esfaqueado. Ele manda uma mensagem ao melhor amigo avisando sobre o ocorrido, e então, graças a uma invenção do Gadget do Futuro, uma coisa muito estranha acontece...
"O universo tem início, mas não fim. Infinito. As estrelas também têm seu próprio começo, mas de seu poder resulta sua destruição. Finito. Os sábios são os mais tolos. Foi o que a história nos mostrou. Pode-se dizer que este é o aviso final de Deus aos que resistem."
- Okabe.
Os personagens de Steins;Gate são muito carismáticos, o enredo é fantástico. Steins;Gate possui 25 episódios, sendo que os primeiros são muito confusos (mas todos tem explicação). Até o episódio 12, o anime segue um ritmo lento, que pode até te deixar com vontade de parar de assistir. Porém, os episódios que vem em seguida são todos incríveis, apaixonantes! Steins;Gate liga o primeiro episódio ao último, como um ciclo. Portanto, os episódios mais "lentos" são extremamente necessários.
Steins;Gate fala sobre teoria do caus e universos paralelos (amo!).
Provavelmente é o melhor anime que eu já assisti. Favorito ♥.
"O tempo passou tão rápido. Sinto vontade de reclamar com Einstein. O tempo ser devagar ou rápido depende de sua percepção. A teoria da relatividade é muito romântica, mas muito triste também."
- Kurisu.

Efeito Borboleta I


Sinopse: Evan (Ashton Kutcher) é um jovem que luta para esquecer fatos de sua infância. Para tanto ele decide realizar uma regressão onde volta também fisicamente ao seu corpo de criança, tendo condições de alterar seu próprio passado. Porém ao tentar consertar seus antigos problemas ele termina por criar novos, já que toda mudança que realiza gera consequências em seu futuro.
Esse é o primeiro filme de uma trilogia sobre viagem no tempo e teoria do caus (reza a lenda que os outros dois filmes não são bons, ainda não assisti para dar a minha opinião). O protagonista, Evan, é um homem de 20 anos, que tem um pai com problemas mentais, internado em um sanatório. Evan sofre de lapsos de memória, onde ele não se lembra de alguns momentos vividos. Seu médico lhe indica começar a escrever um diário, e Evan o faz.
Ainda quando criança, coisas ruins aconteceram com Evan e seus amigos. Então, quando ele está com 20 anos, cursando a faculdade de psicologia, vivendo uma vida boa, ele descobre que pode voltar no tempo ao ler seu diário. Ele decide alterar pequenos acontecimentos do passado para salvar as pessoas que ele ama. Só que o futuro nunca acontece completamente de acordo com os seus planos...
É um filme inteligente e perturbador. Sensacional.

Evan.
Por hoje é tudo, pessoal. Espero que tenham gostado das indicações!

Beijos, Taís K.

2 comentários:

  1. Oh, viajar no tempo na TARDIS com o Doctor... um sonho <3
    Gosto muito do clássico, mas o "novo" também é apaixonante.

    Não consigo gostar de efeito borboleta, rs.

    http://ameliatwee.blogspot.com.br/ - Twee

    ResponderExcluir
  2. Ai como eu queria viajar no tempo como nesses filmes.

    http://alinesecretplace.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir