Marcadores principais

Nuvens de chuva

24.9.15


Mães são impressionantes. Sabe o que acontece quando eu sinto que algo está errado? Minha mãe sente que não estou bem. Assim, sem eu falar nada, ela sabe quando algo não está me agradando. Porque, ao menos para minha mãe, sou uma pessoa tão transparente que é possível ver cada sentimento escondido nas profundezas do meu ser. É como se nuvens de chuva estivessem ao meu redor, mas, mesmo assim, ela conseguisse ver, através dessas nuvens, o sol, meu coração.
Aliás, tem uma chuva insistente lá fora que já dura dias. Mas não é uma chuvinha pacífica, não: é daquelas chuvas que deixam o céu tão escuro que dia parece noite. Em alguns momentos raros, o céu limpa um pouco e o sol aparece por uns minutos, meio fraco, apenas para nos avisar “Ei, calma! Não pirem! Eu ainda existo! Não me esqueci de vocês!”, e, nessas horas, dá até vontade de estender os braços em direção aos raios de sol e agradecer pela consideração.
Sabe, uma frase que minha mãe usa com frequência é “calma, vai passar”, e, de todas as mil vezes que já me disse isso, não errou nenhuma. Eu percebi que as fases ruins sempre passam mesmo, e, no final das contas, só nos resta à satisfação, o orgulho de termos enfrentado os problemas de cabeça erguida. É engraçado como só percebemos o quão pequenos os problemas eram quando eles já se extinguiram. Até parece que os problemas são as nuvens de chuva que deixam o céu escuro, nos impedindo de ver o sol que sempre está lá.
No momento, ainda ouço a chuva, porém, o barulho está mais fraco do que antes. Olhando pela janela, agora, ainda vejo chuva, entretanto, o céu está mais claro. O sol ainda continua sem dar as caras, mas está quase parecendo dia novamente. Já é um ótimo começo. Pra que a pressa?

Beijos, Taís K.

3 comentários:

  1. Quue texto bonito! Minha mãe assim como a sua, sempre sabe quando tem algo errado... Coisas de mãe acho...
    Sempre tem um sol perdido nas nossas vidas, ele nunca some, só se enconde as vezes atrás das nuvens... Mas quando menos imaginamos ele volta com um arco-íris, ainda bem né?

    Beijinhos Bi
    http://www.janeladela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Taís, é a Sam do Literários, hahah, estou recomeçando meu blog. Adorei o seu, muito amorzinho, continue assim! Adorei os posts também. sz

    ResponderExcluir