Marcadores principais

Memórias

11.1.16


São 8:30h da manhã.
Acordo do mundo dos sonhos. Me espreguiço, bocejo e levanto-me. Ainda de pijama, calço meus chinelos e caminho até o banheiro. Olho para o meu cabelo bagunçado em frente ao espelho. Gosto dele. Gosto do verde que encontro observando o reflexo dos meus olhos. Pisco algumas vezes para me acostumar com a luz. 
Então me encaro.
Encaro meus olhos.
Não desvio o olhar.
Sem piscar, eu me observo.
Observo quem sou e quem já fui.
Observo os erros que cometi e os acertos que realizei. Observo aqueles que me machucaram sem querer, observo aqueles que sem querer eu machuquei. Observo as boas ações que recebi e que já fiz. Observo os sorrisos que dei e aqueles que ganhei. Observo as pessoas que me amam e que amo de volta. Observo quem já me amou e que agora me detesta, observo quem já amei e agora eu detesto.
Observo meus dramas.
Observo a ação e reação.
Observo os outros, observo a mim. Tudo isso através dos meus olhos, da minha mente. Minhas experiências vividas, sentidas, além de experiências alheias, observadas.
Observo tudo com meus olhos, e com meu coração também.
Tudo isso num milésimo de segundo, na minha mente que vagueia na velocidade da luz.
Os dias passam rápido.
Céus, já é janeiro.
2016. Tá aí um ano que terei o prazer de observar (já estou tendo!). Viver. Errar. Aprender. Acertar. Chorar pra depois sorrir, sorrir pra depois chorar.
No fim, tudo vira mais uma memória, dessas que eu observo em frente ao espelho.

 Beijos, Taís K.

5 comentários:

  1. Uau, que incrível e verdadeiro. No final o que restam são as nossas memórias que uma hora ou outra, numa situação atípica que vem a tona e nos emocionam.
    Beijo,
    paraisodemenina.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Lindo texto! É incrível a quantidade de coisas que nós podemos ver através dos nossos próprios olhos. Ainda mais quando nos olhamos no espelho, é como se fôssemos cheios de cicatrizes que só paramos pra ver através dele. Tipo uma análise. Mais incrível ainda é a rapidez do nosso pensamento em registrar tudo isso.

    Um abraço, dona-inconstancia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. O primeiro pensamento que eu tive ao ver o seu blog foi "quero morar aqui" hahaha adoraria se isso fosse realmente possível♥
    http://leitorafalida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir